APOIO:

APOIO:
EMPRESAS AMIGAS QUE APOIAM O EVENTO DAS PERSONALIDADES DO EUSÉBIO - 2015

TV Eusébio a Tv que é a sua Cara!

quarta-feira, 12 de março de 2014

Prefeitura do Eusébio lança pedra fundamental da Academia de Saúde


A Prefeitura Municipal de Eusébio, através da Secretaria de Saúde, lança às 9h30min desta quinta-feira, a pedra fundamental do Pólo de Academia de Saúde. O equipamento será instalado no mesmo terreno do Estádio Municipal  da Mangabeira. 
 
O prefeito Júnior destaca que a Academia da Saúde será um espaço público para que a população desenvolva atividades físicas como orientação de um profissional de educação física. “No local poderão ainda ser realizadas ações de promoção de atividades de segurança alimentar e nutricional e de educação alimentar, além de práticas artísticas (teatro, música, pintura e artesanato), entre outras ações”, destaca.
As atividades serão desenvolvidas por profissionais de saúde dos Núcleos de Saúde da Família (NASF), podendo ser agregados profissionais de outras áreas do setor público. A Academia de Saúde tem como objetivos;  ampliar o acesso da população às políticas públicas de promoção da saúde;  ampliar a autonomia dos indivíduos sobre as escolhas de modos de vida mais saudáveis e aumentar o nível de atividade física da população.
 
Propõe-se, ainda, a  promover mobilização comunitária com a constituição de redes sociais de apoio e ambientes de convivência e solidariedade;  potencializar as manifestações culturais locais e o conhecimento popular na construção de alternativas individuais e coletivas que favoreçam a promoção da saúde; e  contribuir para ampliação e valorização da utilização dos espaços públicos de lazer, como proposta de inclusão social, enfrentamento das violências e melhoria das condições de saúde e qualidade de vida da população.
 

Tapera das Artes recebe inscrições para cursos de fotografia, audiovisual e áudio em estúdio.


Image-0-Artigo-1561760-1
A ONG Tapera das Artes, de Aquiraz, recebe inscrições para cursos gratuitos de formação nas áreas de fotografia, audiovisual e áudio de estúdio
Em seu segundo ano de realização, o projeto "Livres Toques", que começou em novembro do ano passado, tendo como público alvo crianças de sete até 15 anos, agora, investe na profissionalização de jovens entre 16 e 29 anos. Uma realização da Organização Não-Governamental (ONG) Tapera das Artes com patrocínio da Petrobras, o projete recebe, até segunda-feira, dia 10, inscrições para os cursos profissionalizantes nas áreas de fotografia, audiovisual e áudio em estúdio.
As aulas estão previstas para começar terça, dia 11, na sede da entidade, que funciona no município de Aquiraz, há 30 anos, afirma Karla Moreira, gestora do projeto. Confessa que a procura pelos cursos chegou a surpreender os organizadores. "Tem uma lista de espera", disse, completando que o curso de fotografia foi o mais disputado. Com quatro meses de duração, após a conclusão da primeira turma, será realizado mais um módulo, com duas turmas.
O projeto tem duração de dois anos, podendo ser renovado. Até lá, a expectativa dos organizadores é de atender a 470 crianças e adolescentes. Em agosto, a Tapera das Artes pretende realizar trabalho com 28 jovens portadores de necessidades especiais, projeta. No primeiro momento, o "Livres Toques" beneficiou 300 crianças ao levar música para as suas vidas. "Foram realizadas oficinas musicais", revela Karla Moreira, ressaltando que receberam ensinamentos em diversos instrumentos, citando piano, acordeon, violão, entre outros.
A segunda etapa do projeto consiste em investir na educação profissional de jovens. O curso de audiovisual terá duração de um ano, enquanto o de áudio em estúdio, 10 meses. Os professores do curso de fotografia virão de São Paulo. "A equipe é altamente qualificada", diz, afirmando que os professores de audiovisual são de Fortaleza. Destaca a qualidade dos cursos, que considera "muito ricos". "Todos os equipamentos são importados e serão fornecidos pela entidade", conta.
Todas as crianças, adolescentes e jovens que participam do projeto devem morar em Aquiraz, especialmente nas sete comunidades que registram maiores índices de vulnerabilidade. Entre outras estão: Genipapeiro, Batoque, Pataca, Novo Aquiraz e Tapera. "A entidade tem muita credibilidade junto à população ", diz, lembrando que o trabalho começou na localidade de Tapera, ocupando pequeno espaço. No início, o trabalho enfocava também as pessoas idosas. Agora, expandiu o seu raio de atuação, atingindo adolescentes e jovens. Os cursos são grátis, sendo aberto à comunidade. O principal objetivo é "democratizar as linguagens culturais e preparar a região para o mercado". A proposta é beneficiar mais de 130 jovens de Aquiraz , além de municípios vizinhos. As aulas serão ministradas às terças e quintas-feiras, disponíveis em dois horários do turno da tarde.
O curso de audiovisual dispõe de 30 vagas e acontecerá durante um ano. Os alunos receberão noções de capacitação básica em roteiro, produção, fotografia, captação de som, interpretação, edição, que resultará na realização de três trabalhos de curtas metragens, sendo um de ficção e outro de documentário, ambos com duração de 15 minutos. Além de um programa de TV. As obras serão disponibilizados em DVD, a fim de contemplar as escolas públicas e exibições gratuitas. O curso de áudio em estúdio capacitará 40 jovens. No período de 10 meses, os alunos deverão apresentar um trabalho contendo três músicas gravadas em estúdio, mixadas e masterizadas pelos alunos, incluindo, ainda, a gravação ao vivo da Orquestra Bachianas Jovem de Aquiraz. Ao final, os alunos participarão de oficinas de programador de Rádio e TV Web.
Fonte: DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário