APOIO:

APOIO:
EMPRESAS AMIGAS QUE APOIAM O EVENTO DAS PERSONALIDADES DO EUSÉBIO - 2015

TV Eusébio a Tv que é a sua Cara!

quinta-feira, 9 de maio de 2013

AS ÚLTIMAS DA TV EUSÉBIO (09.05)

No Eusébio, Prefeitura Realiza 2ª Edição da Semana do Bebê


Esta semana a Prefeitura de Eusébio está realizando a segunda edição da “Semana do Bebê”. O projeto, lançado em maio de 2012 no município, tem como principal objetivo assegurar o bem estar e a saúde dos recém-nascidos, através da educação e conscientização da sociedade eusebiense. 
 
A Semana do Bebê é resultado da parceria das secretarias de Ação e Desenvolvimento Social, Educação e Saúde em parceria com o CRAS da Sede, Mangabeira, Jabuti e Santo Antônio. Durante a semana, ocorre distribuição de material orientador e palestras visando à melhoria da qualidade de vida das mães e dos bebês. 
 
O Prefeito Junior ressalta que a importância da “Semana do Bebê” abrange todas as mulheres do município. “A mulher deve ter acompanhamento médico constantemente, não apenas quando estiver grávida. É importante que ela mantenha o seu corpo saudável para que numa futura gravidez, o seu bebê também seja saudável.”, falou.
 
A programação da Semana do Bebê se prorroga até sexta-feira, 10.  Nesta quarta, dia 8, será realizado no Ginásio da Escola Otoni Sá às 16h. Na quinta-feira, 9, no Ginásio do Pólo do Parque Havaí, às 8h, e no Ginásio de Esportes do Santo Antônio, às 16h. O encerramento será sexta-feira, na Escola Neusa de Freitas, às 07:30 com palestra do Prefeito Junior sobre aleitamento materno. 
 
A Semana do Bebê é simbolizada pela “Majestade Bebê”, assim intitulada a primeira criança que nasce durante o período de realização do projeto. Na solenidade de encerramento,  o neném recebe das mãos do prefeito uma manta, um cetro e uma cora para representar seu título de vigência anual.
A Prefeitura de Eusébio convida a todos para o encerramento da Semana do Bebê nesta sexta-feira, 10. Na ocasião o Prefeito Dr. Júnior ministrará a palestra "A Importância do Aleitamento Materno". Será na Escola Neusa de Freitas Sá (Sede) às 7:30h.
A Prefeitura de Eusébio convida a todos para o encerramento da Semana do Bebê nesta sexta-feira, 10. Na ocasião o Prefeito Dr. Júnior ministrará a palestra "A Importância do Aleitamento Materno". Será na Escola Neusa de Freitas Sá (Sede) às 7:30h.

Aquiraz quer ficar livre da febre aftosa (Made in Facebook)

A secretaria do Desenvolvimento Agrário e da Pesca – SEDAP concentra seus esforços junto a Agencia de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará – ADAGRI em parceria com a Empresa de Assistência Técnica de Extensão Rural - EMATERCE, na 1ª Etapa da Campanha de vacinação contra febre aftosa.


O lançamento da campanha ocorreu no ultimo dia 3 na cidade de Pindoretama, nesta primeira etapa, a meta é a vacinação de 93% do rebanho para que o Estado saia da zona de risco médio e alcance o status de zona livre de aftosa com vacinação. De acordo com o presidente da ADAGRI, Augusto Júnior, o reconhecimento deste status por parte do Ministério da Agricultura e Pecuária - MAPA está perto de acontecer. “Nós concluímos a nossa sorologia, com a coleta de sangue de 14 mil cabeças de gado e não foi detectada a presença do vírus no Ceará. Estamos intensificando a fiscalização dos eventos agropecuários e no trânsito de animais de produtos de origem animal para evitar que haja contaminação”, afirmou Augusto.
A dose da vacina continua com preço médio de R$ 1,50. A multa para quem não vacinar o rebanho é de R$ 15,20 por cabeça. Depois de vacinado o rebanho, os produtores devem procurar a sede da SEDAP para declarar a vacinação. O último caso registrado de febre aftosa em território cearense foi em 11 de abril de 1997, no município de Porteiras na região do Cariri.
“A febre aftosa é uma doença contagiosa, causada por vírus de rápida multiplicação. O animal infectado apresenta feridas na boca, nos lábios, tetas e nos cascos. Os bichos também se afastam do rebanho, babam, não comem e não bebem água” lembrou o Secretário Vinicius Guimarães. No ultimo levantamento feito 2009 pelo Instituo de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará - IPECE o rebanho bovino em aquiraz chegava a quase 20 mil cabeças.
Durante a campanha que vai até 31 de maio, os bovinos só poderão ser transportados após a realização da vacinação. O Secretário Nelson Martins- SDA se mostra confiante e espera que até o final do ano o Ceará saia da zona de risco médio para alcançar a zona livre de febre aftosa.

* DICA IMPORTANTE:
 
FIQUE ATENTO: Saiba Como Fazer o Descarte das Lâmpadas Fluorescentes !
Assim como o Lixo Eletrônico, as Lâmpadas Fluorescentes são extremamente nocivas ao meio ambiente se não forem descartadas de maneira correta. Isto porque as lâmpadas fluorescentes contêm gases de metais sob pressão no interior do bulbo (vidro), tais como mercúrio, altamente tóxico.
O mercúrio é um elemento que se acumula no organismo, ou seja, uma vez que este metal entra em nosso corpo, não é possível eliminá-lo. Portanto, se as lâmpadas forem descartadas em local inapropriado, os gases se desprenderão e com a chuva podem infiltrar no solo, contaminando lençóis freáticos cuja água poderá servir direta ou indiretamente para o consumo humano, seja abastecendo as casas ou sendo utilizada para irrigar plantações por exemplo.
Segundo pesquisa publicada no jornal O Estado de S. Paulo, das cerca de 200 milhões de unidades consumidas anualmente no Brasil, apenas 6%, ou seja, 12 milhões, recebem a destinação correta – o que inclui a retirada do mercúrio e a reciclagem dos materiais.
As lâmpadas devem ser recebidas na coleta inteiras ou quebradas, desde que devidamente embaladas para não provocar acidentes.
Lembre-se: não se devem quebrar lâmpadas deste tipo propositalmente, pois os gases e metais são liberados no momento da quebra, portanto, deve-se ter muito cuidado também ao manuseá-las.
FIQUE ATENTO: Saiba Como Fazer o Descarte das Lâmpadas Fluorescentes ! 
 Assim como o Lixo Eletrônico, as Lâmpadas Fluorescentes são extremamente nocivas ao meio ambiente se não forem descartadas de maneira correta. Isto porque as lâmpadas fluorescentes contêm gases de metais sob pressão no interior do bulbo (vidro), tais como mercúrio, altamente tóxico.
 O mercúrio é um elemento que se acumula no organismo, ou seja, uma vez que este metal entra em nosso corpo, não é possível eliminá-lo. Portanto, se as lâmpadas forem descartadas em local inapropriado, os gases se desprenderão e com a chuva podem infiltrar no solo, contaminando lençóis freáticos cuja água poderá servir direta ou indiretamente para o consumo humano, seja abastecendo as casas ou sendo utilizada para irrigar plantações por exemplo.
 Segundo pesquisa publicada no jornal O Estado de S. Paulo, das cerca de 200 milhões de unidades consumidas anualmente no Brasil, apenas 6%, ou seja, 12 milhões, recebem a destinação correta – o que inclui a retirada do mercúrio e a reciclagem dos materiais.
 As lâmpadas devem ser recebidas na coleta inteiras ou quebradas, desde que devidamente embaladas para não provocar acidentes.
 Lembre-se: não se devem quebrar lâmpadas deste tipo propositalmente, pois os gases e metais são liberados no momento da quebra, portanto, deve-se ter muito cuidado também ao manuseá-las.

4 comentários:

  1. bom eu sou do jabuti, participo do cras projeto de 0 a 6 anos de idade e participei de todas as programaçoes sobre a semana do bebe e vou dizer adorei participar gosto muito de ir para o cras assistir as palestras todas as sextas-feiras gosto muito da Valdilene e pretendo permanecer no projeto hoje e sempre

    ResponderExcluir
  2. eita que amanhã o aquiraz vai pegar fogo e nessa fornalha ritelza cabral vai junto... em breve chegam as contas de edson sá para serem votadas. aguadamos!

    ResponderExcluir
  3. isso se vc do jabuti for da panelinha dela pq para vc se cadastrar para ter o beneficio do leite ela so cadastra se vc tiver votado eleicao para vereador ou melhor dizendo so se tiver votado no vereador dela

    ResponderExcluir
  4. Eu moro na mangabeira egostei muito ba blits feitas a qui na mangabeira são fiscais preparado para orientar o cidadão de bem que que trabalhar legalizado sou comerciante e parabenizo os fiscais da saúde e finaçãs

    ResponderExcluir